Dicionário Estraviz. Inicio
Início > Resultado da pesquisa

Pesquisa no dicionário

Também podes experimentar a pesquisa avançada

      cara

      s. f.
       
      (1) A parte anterior da cabeça. Rosto. ≃ face, facha, frontispício, rosto
       
      (2) Semblante, fisionomia. ≃ semblante
       
      (3)
      fig. Aspeto, aparência, ar.
       
      (4) Ousadia, coragem: não tem cara de vir até aqui.
       
      (5) Indivíduo, sujeito.
       
      (6) Atrevimento, descaro.
       
      (7) A parte oposta à cruz nas moedas.
       
      (8) Superfície de alguma cousa.
       
      (9) Cada plano de um ângulo poliedro.
       
      prep.
       
      (1) Indica direção: foi cara o seu irmão.
       
      (2) Aproximação temporal: recolhe as vacas cara a tarde.
       
      (3) Aproximação local: cara a serra vê-se o nevoeiro.
       
      a cara descoberta: na presença de todos, sem temor, com a consciência tranquila.
       
      à cara e aos olhos: aberta e descaradamente: disse-mo à cara e aos olhos, à vista da gente.
       
      a cara lho dá: conhece-se-lhe na cara.
       
      à cara limpa: abertamente: à cara limpa não me atrevia a lho comentar.
       
      andar com a cara: abofetear alguém.
       
      arder a cara: ruborizar-se.
       
      botar em cara: increpar, reprochar.
       
      cara a cara: na presença de alguém.
       
      cara de cão: feio: tem uma cara de cão.
       
      cara de cebola: bolechudo.
       
      cara de cona: sem-vergonha, informal.
       
      cara de fame: delgado, esquelético: é mesmo um cara de fame.
       
      cara de lua cheia: bolechudo; cara grande e redonda.
       
      cara de pão: sério: tem cara de pão, está sério.
       
      cara de páscoa: cara prazenteira e também a compungida.
       
      cara de pau: sem expressão. Diz-se também do que ficou corrido por algo.
       
      cara de pote: cara séria, cara de ferreiro.
       
      cara de poucos amigos: sério, de mirada dura e áspera.
       
      cara de rosa: guapo.
       
      cara de sovela: cara fraca, esquelética.
      fig. Provocador.
       
      cara lavada: cínico, sem-vergonha.
       
      com a cara alta: abertamente, sem se esconder: fui-me de ali com a cara alta, à vista da gente.
       
      cruzar a cara: cortar-lha a alguém, feri-lo no rosto.
       
      custar um olho da cara: comprar algo excessivamente caro.
       
      dar com a porta na cara ou dar com o nariz na porta: fechar-lhe a alguém a porta com enfado.
       
      de cara: de frente.
       
      fazer cara: opor-se, resistir-se, ou também dispensar atenções a uma pessoa, distingui-la.
       
      homem de duas caras: homem falso que por diante diz uma cousa e por atrás diz ou faz outra.
       
      lavar a cara: diz-se de alguma cousa que se limpa.
       
      lavar a cara a alguém: adulá-lo.
       
      não mirar-lhe à cara: desprezar alguém.
       
      não ter cara para nada: diz-se da pessoa tímida que tem curteza para tudo.
       
      não ter vergonha na cara: ser um despreocupado, um desapreensivo.
       
      pôr boa ou má cara: acolher bem ou mal alguém, fazer gesto de satisfação ou contrariedade.
       
      pôr cara de rosa: pôr uma cara amável, boa cara.
       
      ter cara: ter atrevimento.
       
      ter cara de: parecer, semelhar: tem cara de que vai chover à tarde.
       
      ter cara de desenterrado: ter um aspeto cadavérico.
       
      ter cara de excomungado: ter aspeto de malandro.
       
      ter duas caras: ser falso, comportar-se com hipocrisia.
       
      virar a cara: retroceder, assustar-se, não olhar alguém, negar-lhe o saúdo.
       
      [gr. kara, lat. cara]

      Palavra pesquisada 1357 vezes
    Outras ajudas