Dicionário Estraviz. Inicio
Início > Resultado da pesquisa

Pesquisa no dicionário

Também podes experimentar a pesquisa avançada

      por

      prep.
       
      Só ou contraída com os artigos o (polo) ou a (pola) designa a) causa: deixou-o por imoral; b) meio: ganhar pola força; c) estado: morrer pola fome; d) condição: ter por aluno um filho; e) tempo: por cinco meses; f) troca: dar pão por vinho; g) defensa: lutar pola sua propriedade; h) lugar: ir pola Itália; i) preço: comprá-lo por cinco pesos; j) equivale a sem: a casa por varrer.
       
      a por de: a força de.
       
      por aí: por isso.
       
      por arte do demo: de maneira incrível.
       
      por inteiro: totalmente.
       
      por mor de: com objeto de.
       
      por parte de Judas: sem saber como.
       
      por riba: sem apenas inteirar-se.
       
      [lat. per e pro]
       

      pôrConjugar

      v. tr.
       
      (1) Colocar: pôr as cousas no seu sítio. ≃ ordenar, acomodar
       
      (2) Firmar: pôr as cousas claras.
       
      (3) Fazer a postura de ovos: pôr as pitas.
       
      (4) Estabelecer: pôr uma cafetaria.
       
      (5) Cobrir-se com: pôr a roupa de trabalho.
       
      (6) Calçar: pôr as botas.
       
      (7) Dar nome: pôs-lhe Rui ao filho.
       
      (8) Adornar: pôr plantas na casa.
       
      (9) Semear, transplantar: pôr as batatas.
       
      (10) Reduzir a: a fome pô-lo nos ossos.
       
      (11) Infundir: a sua presença põe respeito.
       
      (12) Apostar: pôr dinheiro a um número.
       
      (13) Preparar: pôr a carne adubada.
       
      (14) Gastar o tempo: pôr uma semana a passear.
       
      (15) Depositar: pôr dinheiro a prazo.
       
      (16) Empregar: pôr os filhos a trabalhar.
       
      (17) Meter: pôr as joias na caixa.
       
      (18) Enunciar: pôr um exame.
       
      (19) Deitar: pôr azeite à salada.
       
      (20) Fitar: pôr a vista na lua.
       
      (21) Concentrar; aplicar: pôr o seu afã no trabalho.
       
      (22) Enfeitar-se: pôr joias.
       
      (23) Dispor, preparar: pôr a mesa.
       
      (24) Aplicar sobre: pôr a manteiga no pão.
       
      (25) Impor: pôr como sinal.
       
      (26) Expor: pôr à venda.
       
      (27) Publicar: pôr o acontecimento nos diários.
       
      (28) Traduzir: pôr em galego-português um romance.
       
      (29) Imputar: põem-lhe a culpa a ele.
       
      (30) Escrever: pô-los todos na lista.
       
      (31) Dizer de: pô-lo como um mentireiro.
       
      v. pron.
       
      (1) Colocar-se em certa posição: pôr-se de pé.
       
      (2) Tornar-se: pôr-se corado.
       
      (3) Começar, dedicar-se a: pôr-se a trabalhar.
       
      (4) Desaparecer abaixo do horizonte: pôr-se o sol.
       
      (5) Sentar-se: pôr-se à mesa.
       
      (6) Chegar: em três dias Pusemo-nos na casa.
       
      andar com aqui a pus, aqui não a pus: desculpar-se ou querer sincerar-se sem razão.
       
      nem pôr nem tirar: não fazer bem nem mal, não meter-se em cousa de vários.
       
      pôr a carne em adubo: adereçar, condimentar a carne.
       
      pôr a endireitar: corrigir os abusos.
       
      pôr alguém como um farrapo: repreendê-lo fortemente.
       
      pôr alguém pingando: falar mal dele.
       
      pôr alguém como uma sapatilha: repreendê-lo, rifar-lhe.
       
      pôr a molho: deixar a roupa em água com sabão.
       
      pôr ao canto: não fazer caso de.
       
      pôr a pão pedir: censurar alguém, repreendê-lo: puseram-no a pão pedir polas que tem feito.
       
      pôr às costas de:
       
      (1) Colocar sobre os ombros de.
       
      (2)
      fig. Atribuir a responsabilidade ou o encargo a.
       
      pôr as barbas de molho: precaver-se contra perigo iminente.
       
      pôr as mãos em: bater-lhe.
       
      pôr-se à banda: colocar-se todo o mundo na mesma banda.
       
      pôr o saco: saquear.
       
      pôr a salvo: salvar, pôr em lugar seguro.
       
      pôr casa: instalar-se em domicílio próprio.
       
      pôr com dono: vender, desfazer-se de.
       
      pôr da sua algibeira: inventar, acrescentar cousas da sua lábia à história que está narrando.
       
      pôr de parte ou de lado: deixar de ocupar-se de.
       
      pôr do sol: o ocaso.
       
      pôr e dispor: decidir absolutamente.
       
      pôr eivas: pôr dificuldades.
       
      pôr em caminho: dizer a alguém o que deve fazer, ensiná-lo.
       
      pôr nos cornos da lua: elogiar em excesso.
       
      pôr pânico: pôr medo: isto que me contas, ainda que seja mentira, põe pânico.
       
      pôr pingando:
       
      (1) Vituperar, censurar, repreender, cantar-lhe as quarenta a alguém: apesar de eu ter feito bem tudo, pus-me pingando.
       
      (2) Molhar muito.
       
      pôr polas nuvens: louvar muito e de maneira exagerada.
       
      pôr polo chão: denegrir uma pessoa dizendo muito mal dela.
       
      pôr por obra: fazer aquilo que se propõe.
       
      pôr portas ao campo: ser impossível de guardar.
       
      pôr prenhe: deixar em estado de gravidez.
       
      pôr-se bem: sanar.
       
      pôr-se bem com Deus: arrepender-se dos pecados.
       
      pôr-se como um pito: molhar-se muito.
       
      pôr-se de cornos: contrariar-se, incomodar-se, encabrear-se.
       
      pôr-se-lhe no periquito da cabeça: obstinar-se numa cousa.
       
      pôr-se mal com alguém: inimizar-se.
       
      pôr-se quarenta: fazer-se forte para se defender, pôr-se bravo: o que me houve de roubar não o acabou fazendo porque me pus nas quarenta e não lho permiti.
       
      locs. fams.
       
      pôr-se a salvo ou em salvo: acolher-se em lugar seguro.
       
      pôr-se na perna ou ao andar: safar-se.
       
      [lat. ponere]
       

      por(o)-

      Elemento de composição. = passagem, poro; que se move; que se desloca: porócito, porogamia.
       
      [do gr. póros]

      Palavra pesquisada 1185 vezes
    Outras ajudas